CORONAVÍRUS | O drama da subnotificação COVID-19 nas favelas do Rio de Janeiro

Atualizado: Abr 29

A subnotificação dos casos de coronavírus (Covid-19) é um dos reflexos mais cruéis da do desmonte da Saúde pública no Brasil e possui um claro corte de classe social. Milhões de trabalhadores de comunidades pobres do Rio de Janeiro, favelas, estão, na prática, fora das estatísticas oficiais de contaminados e de mortos nesta pandemia, em razão da falta de testes e de acesso ao sistema de saúde pública. O trabalho precarizado e superexplorado é a realidade de grande parte dessas populações que não tem condições de se manter em isolamento social e continuam a trabalhar, pondo suas vidas e de seus familiares em risco.


Um grande número de mortes que ocorreram nas favelas do Rio de Janeiro estão fora das estimativas oficiais, que apontam 677 vítimas em todo o estado, considerando apenas aqueles que tiveram confirmações e excluindo aqueles óbitos com suspeita de Covid 19 pela falta de testes! O descaso do poder público em suas três esferas está União estado e município é uma grave ameaça ao combate a epidemia do Coronavírus e a preservação de vida da classe trabalhadora.

Vamos a luta, venceremos!


#fiqueemcasa #sindiseprjnaluta


Fonte:https://www.redebrasilatual.com.br/cidadania/2020/04/subnotificacao-falta-de-informacao-e-condicoes-precarias-aumentam-drama-da-covid-19-nas-favelas-do-rio/

53 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

ASSEMBLEIA DO SINDISEP-RJ

Companheiras e companheiros: Queremos lembrar que hoje, as 10h30 em primeira convocação e 11h00 em última, será realizada uma assembleia geral do Sindisep-RJ que tem como pauta a deflagração de greve

Rua Visconde de Inhauma, n.º 58, sala 1108 - Centro

Rio de Janeiro - RJ, CEP 20091-007 - Brasil