top of page

PRISÃO PARA OS GOLPISTAS DE ONTEM E HOJE!

Companheiros e companheiras:


Ontem, 08 de fevereiro de 2024, 13 meses após o levante fascista em Brasília, foi deflagrada uma operação da Polícia Federal sobre os atos golpistas, que desnuda a participação ativa de militares do entorno do ex-presidente Jair Bolsonaro, com claros indícios da participação do próprio na preparação de um golpe de Estado, fazendo uso da ABIN, liderada pelo General Heleno, para espionar opositores, chegando a debater o golpe em uma reunião ministerial.


Nós do SINDISEP-RJ sempre denunciamos Bolsonaro e seus aliados mais próximos, ou seja, generais, empresários, políticos e ruralistas, em razão de seu caráter antidemocrático, fascista e anti-povo. Eles criaram planos e executaram atos preparatórios com vistas a realização de um golpe de Estado. Desde a posse de Bolsonaro, ele já atacava a segurança das urnas eletrônicas, divulgando informações falsas sobre fraudes nas eleições para construir o clima de golpe.


Outro fato gravíssimo é o envolvimento do Partido Liberal, PL, de Valdemar Costa Neto no planejamento golpista, uma vez que recebe dinheiro público para sua manutenção dos Fundos Partidário e Eleitoral. É inadmissível que recursos públicos continuem sendo utilizados para sustentar projetos golpistas e criminosos. Bolsonaro e o General Braga Neto, além de outros golpistas, seguem como funcionários do PL, sendo pagos com dinheiro dos impostos de nosso povo. A prisão do Presidente do PL com uma pepita de ouro, desnuda o motivo dos golpistas também apoiarem o crime de garimpo clandestino.


O Ministro do STF, Alexandre de Moraes não é amigo dos trabalhadores, como suas sentenças sempre demonstram, mas era alvo prioritário dos golpistas para um espetáculo midiático. Outros, o Ministro do STF Gilmar Mendes, o Presidente do Congresso Nacional Rodrigo Pacheco e tantos outros, possivelmente, a exemplo dos golpistas de 1964, seriam gradativamente “despachados” em operações especiais.


Assim, tudo isso só comprova que estávamos certos, de que a impunidade dos golpistas de ontem e hoje só servirá para gestar novos movimentos contra o povo brasileiro e as limitadas liberdades democráticas que dispomos. A prisão preventiva, o devido processo legal e a condenação dos golpistas é necessária, pois a anistia só estimularia novos golpes!


A prisão de Bolsonaro e sua quadrilha é urgente!

Sem anistia para os golpistas de ontem e de hoje!


Sindisep-RJ



7 visualizações0 comentário

Commentaires


bottom of page